evento

Estou velha para eventos?

Vamos dar uma variada por aqui, depois de tantas resenhas, que tal um post mais casual? Casual como poderia ser ir em eventos, se não fossem tão caros como estão hoje. Esse post me veio a cabeça depois de ter ido na Bienal do Livro e ter escutado “Estou velha para ir nesse tipo de evento”. Logo fiquei pensando sobre a situação atual dos eventos que temos por aqui e como é difícil e caro conseguir ir neles ou talvez o problema seja nossa falta de paciência/vontade de querer enfrentar a super lotação que nos aguarda.

Fui na Bienal do Livro de SP deste ano em grupo e não deu muito certo, logo nos primeiros 30 minutos, o grupo acabou (literalmente) já que metade quis ir para casa e só sobrou eu e meu namorado afim de ver livros e foi nesse momento que escutei a frase que citei no início do post. Sim, eventos super lotados são um abuso, na minha opinião, e se você quer mesmo assim ir no evento precisa ir se preparando psicologicamente para não ver 90% das coisas que você gostaria de ver. Acredito que nossa velhice nesse tipo de situação, vem da nossa falta de paciência de ter que enfrentar toda e qualquer tipo de demora e complicação que nós temos que passar por cima nesses eventos.  Eu mesma posso dizer que até o último dia antes de um evento, eu não sei se vou ter paciência ou forças de fazer tudo que gostaria, logo está aí o ponto: fazer o que queremos no evento.

Posso dizer que saber o que querer fazer em um evento é o ponto principal para você ter foco lá dentro e não se perder no meio do mundo de pessoas, apesar de ainda achar as super lotações um abuso e essas super lotações podem atrapalhar toda nossa programação lá dentro dependendo do que você quer, mas não podemos perder o foco não é mesmo? Principalmente se a gente quer muito. Aí vem os ingressos VIPs de 4 dias, de acesso e tantas outras coisas fáceis que esse ingresso pode nos dar, isso seria para nós os velhos que queremos conseguir aproveitar tudo de forma suave? Talvez. Ou talvez os eventos no Brasil e no mundo precisem de um empurrão para conseguir entender que os frequentadores querem conforto.

evento2

A CCXP do ano passado, eu acho que só não morri, por ter organizado perfeitamente os dois dias que eu iria frequentar o evento junto com minha amiga e logo conseguimos fazer tudo o que queríamos de boas e sem estresse, pois já estávamos preparadas com o que nos esperava, se não, acredito que eu estaria mais estressada que o meu normal. Não posso mentir que depois de dois dias de evento a gente nem conseguia andar direito, mas deu tudo certo, não é mesmo? Além que eu pude dizer que fui na CCXP e aproveitei pra caramba devido a nossa estratégia de ter foco.  Anime Friends de 2015 no último final de semana estavam extremamente quente e não dava para andar, ou seja, foi uma droga, o evento já tem muito pouco para nos dar e ainda super lotado de forma estúpida não trouxe aproveitamento nenhum devido ao espaço e isso porquê conheço o evento muito bem e imagina se fosse novata.

Então fico pensando, estou velha para eventos também? Gosto muito de frequentá-los, mas atualmente só se tiver mais uma pessoa comigo com os mesmos objetivos para quando chegarmos nele. Não sei se teria pique de ser uma frequentadora assídua devido a tantos pontos negativos de organização e de lotação, também levando em conta que vou estar toda quebrada no dia seguinte no trabalho. No fim valerá a pena se tudo saiu nos conformes? Claro que sim! Mas valeu todo estresse e o dinheiro gasto? Quem sabe. Podemos estar velhos no modo que vamos enfrentar o evento, mas se organizamos para saber o que fazer no evento, dá tudo certo, não é mesmo? Pena que não é todo dia que temos $$ para comprar um ingressos acima de 150 reais.

Um post de boas para gente pensar :3 Sim, essa foto foi tirada ano passado pela minha amiga Valéria na CCXP, melhor painel depois de muita chateação por quase não ter conseguido entrar. Essa semana ainda volto com mais resenhas, então nada como um intervalo nelas né?

 

 

Carol

Designer, character designer, costume designer, ama comida, taurina, gamer, cinéfila, bookaholic, chata.

Comente com Facebook!

27 comentários em “Estou velha para eventos?

  1. Variar é sempre bom, eu particularmente AMO estes artigos bem pessoais sabe? É FANTÁSTICO ver como as pessoas pensam sobre tal coisa, e como agem sobre isto. Eu não acredito que você está velha não, eu tenho 17 anos, também fui para a Bienal do Livro em SP, deste ano-, eu ODIEI. Não só pelo o fato dos livros serem do mesmo preço que numa livraria qualquer, mas também, pela mega lotação. Não deu para aproveitar nada. Eles lotam demais. Ai abafa, fica quente, pessoas passam mal, e fica aquela coisa linda. Eventos é uma coisa, que eu não tenho saco. Se você gostava antes, e não gosta agora, deve ser porque não tem saco também rsrs.

    Eu nunca fui no Anime Friends, e nem tenho vontade.. É muita gente. Mas se um dia eu for, ai eu vou montar todo um roteirinho pra curtir de verdade-, se bem que eu não gosto muito de tudo organizado, eu adoro bagunça kk.

    Sinta-se convidadíssima para visitar o meu blog! <3

    bielgarc.blogspot.com.br

  2. EU NÃO TO VELHA NÃAAAAAAAAAO <3 e se reclamar vou de cosplay lacrador! HAHAHA
    zueras a parte, dependendo do evento em si, com certeza.
    se é tão importante pra nós, a gente atura qualquer coisa! seja ela superlotação, ingresso caro, gente chata..
    e é por isso que há tanto "abuso" da parte de quem planeja o evento.
    eles sabem que, mesmo se estiver em condições precárias, vai ter público. essa é a parte chata :/
    MAS acredito que idade seja algo mental, então, você sabendo se controlar mentalmente não vai te afetar se o que for mais importante for o evento em si e tudo que ele oferece ao invés de enxergar apenas os defeitos que o mesmo possui.
    independente das coisas ruins, é bom levar em consideração o que há de bom no evento, ser organizado [como você mesma disse] e tentar aproveitar ao máximo, sendo positivo e acima de tudo, se divertindo :3

  3. Carol eu sempre fui velha para eventos.
    Não tenho mais ânimo para muvuca. aliás nunca tive..
    Na verdade eu até passo mal auauhuahauhuahuah

    Eu fui na bienal tbm e eu fui embora mais tarde só por causa do meu grupo que me segurou lá mas a minha vontade era de sair correndo logo depois da primeira hora >.<

  4. Oi Carol, tudo bem?
    É muito bom ler resenhas, mas acho muito legal poder ler algum texto mais pessoal também.
    Há uns três anos atrás, ou mais era a moça dos eventos literários. Praticamente ia em todos, e até mesmo promovi alguns por conta do blog. Mas, de uns tempos pra cá, são poucos os que me animo de ir. Geralmente são longe, ou em lugares pequenos, e até mesmo alguns mal organizados. Então te entendo bem.
    Acho que todos nos cansamos das coisas depois de um tempo. Estou me preparando psicologicamente para a Bienal do ano que vem… Bjus
    Lia Christo
    http://www.docesletras.com.br

  5. Oiee
    Esse debate é muito legal, estou passando por ele também. Acho que dei uma enjoada de alguns eventos, o unico que realmente gosto é a ccxp. Geralmente, quando vou é mais para estar com os amigos ou para montar um cosplay e vê-los também.

  6. Carol eu entendo você PERFEITAMENTE hahahaha mas eu me sinto velha pra tudo.
    Esse ano eu fui na BGS na segunda feira, dia mais vazio, e mesmo assim fiquei com preguiça de tudo.
    A comic con eu tbm me organizei bastante e acabou dando tudo certo, e na Bienal também fui com o um grupo, mas não tinha coragem de encarar filas então fiquei só passeando hahahaha

  7. Olá, Carol.
    Eu estou muito velho para certas coisas sim hehe. Tem várias coisas que não em incomodavam antes que agora eu fico nervosa só de pensar. E já penso eu não tenho mais idade para passar por isso não hehe. Mas tudo vai de uma boa organização e um bom planejamento.

    Blog Prefácio

  8. Mano pra começar eu to velho no sentido, se não tiver lugar pra sentar eu nem vo. Aglomerado também me faz ter vontade de sair enfiando o braço em todo mundo, esses são os primeiros motivos que me fazem não ir. Ai tem os motivos pessoais, em que eu nem f*** piso em um vento do omelete, so de birra com eles mesmo.
    Mas a real é que eu sou um jovem de 23 com uma alma de 47…
    bjos LP
    http://quatroselos.blogspot.com.br/

  9. Oi Carol, acho que conforme a gente vai ficando mais velho, vai ficando menos tolerante com a falta de organização e superlotação dos eventos (entre outras coisas, como os preços altos etc.). Eu definitivamente peno duas (ou 10) vezes antes de ir num evento hoje em dia. Tem que valer MUITO a pena mesmo para eu sair de casa. Tô legal de ficar passando perrengue, viu?

    Beijo, beijo :*

  10. Acho que é o que vc disse mesmo, precisa de Foco pra conseguir fazer o que quer nesses grandes eventos! E gostar mesmo do assunto, pra enfrentar as filas…filas em tudo, banheiro, lanchonete, autógrafo, selfie…rsrs..

    beios!

  11. Acho que ninguém é velho demais para ir nesses eventos. Claro, haverá algumas limitações, mas como você disse, muito disso é questão de se organizar e de ter paciência.
    Sabe que nunca fui nem na Bienal, nem no Anime/CCXP mas imagino que as filas sejam de deixar qualquer um louco mesmo. Ainda sim, é questão de querer, sabe? Você tem que ir com disposição sabendo o que vai encontrar.
    E olha, não tinha noção dos valores. Agora fiquei um pouco menos animada para esse tipo de evento haha

    Beijos,
    Bi.

    http://www.naogostodeunicornios.com

  12. Adorei o seu post, Carol! As vezes eu me faço a mesma pergunta. Fui na bienal 2 vezes e acabou sendo tão estressante que esse ano eu preferi deixar passar. Lá na hora é legal e tudo mais, mas depois quando bate o cansaço, a gente fica se perguntando se realmente valeu a pena. Acho que ir uma vez ou outra é válido, rezando uns mantras de paciência, mas ir toda vez que tem evento tá difícil, principalmente também do fator financeiro. A bienal nem é tão cara *desconsiderando o preço dos livros das estandes*, mas outros eventos, como a comic con, sem comentários kkkk nem tento

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

  13. OI CAROOOOOOOOL

    eu já venho com um defeito sobre aguentar superlotações: eu moro e sempre morei em cidade pequena, onde filas são menores, atendimento é mais rápido, tem mais humanidade. Dai quando chego em capitais enormes e vejo todo mundo super estressado, se esbarrando e querendo se matar… eu digo: fico logo com medo e dá vontade de correr pras colinas :B HAHHAH

    mas se o evento realmente diz respeito a algo que eu curta, a minha velhice fica um pouco de lado e eu me jogo. A dor e a impaciência passa e a gente vai na brisa viver no momento. Mas que, infelizmente, desorganização e gente espremida é um saco, é sim :( acho que o BR precisa ter mais cuidado ao organizar eventos. Pensar em todo mundo e no conforto da experiência.

    beijo
    beinghellz.com

  14. Amo andar em eventos de Cultura Pop, só não vou na CCXP pq enfim, é em outro estado e não consegui férias pra viajar, mas um dia eu vou, só vou tá velha de mais pra essas coisas quando não conseguir mais andar e olhe lá hahaha

  15. Oie Carol =)

    Eu sempre fui velha para eventos, tanto que sempre que vou em um passo semanas fazendo uma preparação mental rs… Entro em pânico em lugares fechados e com muita gente, tanto que quando vou evito os corredores que tem muita concentração de pessoas e fico apenas o tempo necessário para ver e comprar tudo o que eu quero.

    Esse ano graças aos deuses a Bienal foi mais organizada, por que na de 2014 eu quase morri. Queria ir uma vez na CCXP, mas além de ser um evento caro não me sinto preparada emocionalmente para enfrenta-lo rs…

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias…
    @mydearlibrary

  16. Hey Carol!!
    Eu acho que estou velha para alguns eventos – a Bienal eu me conformo de ir SÓ pra procurar promoção, porque de restante eu me estresso muito com o povo tambem e sei la… com tanta coisa que da desgosto, né?
    Bem… Na CCXP, eu irei esse ano pra conhecer (vamos nos conhecer Carolinda?) mas estou planejando comprar um funko (sim, isso que você leu, porque não sei como vai ser o fervor… Se for o fervor da BGS do ano passado, é muito fervor aí… já sabe né rsrs)
    E QUE INGRESSINHO CARO HEIN? Comprei no começo mas agora nao sei se meus amigos vao poder ir, ja estou sofrendo antecipadamente…. ai ai ai
    Ce viu menina? HAHAH é bem LEGAL, depois voce fica imaginando qual habilidade teria pela cor do seu olho…. dentre outras coisas ;)
    Um beijo!
    Pâm – http://www.interruptedreamer.com

  17. Aí, Carol! Eu ainda não fui a nenhuma Bienal, nem a comic con, tenho até medo do que vou enfrentar qdo resolver ir! Hahaha Anos atrás na época de youpix já me senti velha e sem energia logo no 1 dia, imagina se entro nessas anos depois? ! Hahahaha

  18. Eu entendo o motivo da sua reflexão. Organizar eventos virou um dos meus hobbies favoritos, então para isso estou sempre animada, o resultado final é muito gratificante… Mas confesso que algumas coisas que eu fazia antes já não me atraem mais… Antes eu não perdia encontros em livrarias e alguns lançamentos de autores, me chegou num ponto que fiquei esgotada, não aguento mais certas coisas e sei que é porque as pessoas que estão ali são bem mais novas do que eu.
    Acho que o segredo é isso aí: ter foco, saber o que ainda nos deixa confortável e evitar a todo custo os que causam dor de cabeça, porque perder tempo de descanso assim é ruim demais!

  19. Olá Carol!
    Tô conhecendo seu blog agora e já curti. Realmente esse negócio de ficar velha é muito chato… Mas apesar dos meus 3.0 me sinto com 2.0 hehehehhe. De todos os eventos que consigo pensar, com certeza gostaria de ir na Comic-Con, Bienal e naqueles eventos de anime e mangá que são sempre surpreendentes. Mas eu te entendo, e ir com um grupo grande nesses eventos sempre é furada, melhor ir com poucas pessoas e que queriam ver as mesmas coisas que vc, se não o grupo separa logo logo. Infelizmente não há muito o que fazer quando o evento está lotado, não é?! Melhor manter o bom humor e enfrentar ^^
    Bjos
    http://www.kelenvasconcelos.com.br/

  20. PERAI AGORA QUE VI QUE TEM HANNIBAL E BIOSHOCK INFINITE NO TEU LAYOUT!!! <333333

    Pior que eu nunca fui nesses eventos, por mais que tenha vontade. Acho que tem que ir preparado mesmo e fazer um roteiro bem específico de onde se quer ir, se não acaba se frustrando. Eles podiam colocar mais dias né, por meno preço, dai talvez desse mais tempo de ver tudo :S

  21. Oi Carol, tudo bem?
    Eu confesso que faço uma avaliação do quanto eu gostaria de ir ao evento. Se a minha vontade for extremamente alta, eu me planejo e vou, mesmo tendo um certo pânico de lugares fechados e lotados. Concordo que a logística da coisa precisa mudar, mas infelizmente eles primam mais pelo lucro do que em oferecer uma boa experiência pra quem está indo ao evento. Acho que estou velha, mas ainda há eventos que valem o sacrifício.
    Abraços,
    Amanda Almeida

  22. Tenho que confessar que já mandei uns “não tenho mais idade pra isso” em diferentes situações por aí. Mas acho que o ponto está realmente no que gostamos e/ou queremos. O tipo de evento que eu mais vou, sem dúvidas, é em shows. Fico na expectativa de comprar o ingresso, espero o dia, me meto em casas de eventos estranhas numa boa e tenho paciência pra tudo se for uma das ‘minhas’ bandas. Entretanto, mês passado, fui em um show com meu namorado e queria morrer. Fiquei contando os minutos pra acabar e gritava internamente toda vez que o vocalista dizia que ia ter mais músicas. Coloquei até o protetor de ouvido, e aí me senti super idosa, ahaha. Mas vi que uma menina comentou aqui sobre a questão de não ter saco para desorganização, por exemplo, e eu acredito que é um ponto relevante a ser considerado.
    É uma reflexão muito boa a se fazer, gostei bastante.
    Beijos,
    Bru

  23. concordo com o que disse, cada dia mais caros e mais lotados! Se você não se programar e fazer um roteiro não consegue aproveitar nada! Aqui na minha cidade não tem muitos eventos mas adoro quando surge a oportunidade de ir em um, mesmo sabendo do ‘lado ruim’ haha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *